Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio BAC

Área dos AUTORES

Páginas pessoais

Oportunidades
Entrevistas

Serviços

Anúncios

Experiências

Downloads

Orientações
Autores & Leitores  >  Autores >  Entrevistas

Entrevista com SOCORRINHA CASTRO

Foto de SOCORRINHA CASTRO


É de João Pessoa, na Paraíba, que Socorrinha Castro, mais conhecida na literatura virtual como “Florzinha” concedeu entrevista exclusiva a Alexandre (Xande) Rego de  Autores & Leitores. Florzinha fala de como tudo começou, de sua ligação com a literatura e de como vê sua participação no mundo virtual.

Com vocês, Florzinha:

Autores & Leitores: Quem é Florzinha e ou Socorrinha Castro ?

Florzinha: “Socorrinha Castro, que também usa o pseudônimo de Florzinha, é uma poetisa cearense de grande inspiração e sensibilidade poética, tanto que já dispõe de quase 2.500 textos de sua autoria publicados na WEB, através dos mais importantes sites dedicados às letras e à poesia.
O meu trabalho versa sobre temas que vão da espiritualidade ao erotismo, mas sem perder nunca a qualidade rítmica e a plasticidade de suas idéias.
Nasci em Sobral, no Ceará, despertei para a vida e concluí meus estudos acadêmicos em Fortaleza, tendo especial gratidão a muitas outras cidades nordestinas, onde também morei e estudei, principalmente Salvador e João Pessoa.

A&L: E a motivação para escrever, quando se iniciou?

Florzinha: “A motivação para escrever e a opção pela poesia, surgiram de forma natural e não decorreram de nenhum longo processo cognitivo de aprendizagem e maturação, mas, são talentos que eu considero natos , acreditando firmemente que já se nasce poeta, assim como já se nasce músico ou pintor.
É claro que esse dom natural que os repentistas do nordeste tão bem representam, pode ser aperfeiçoado através da ampliação de seu universo cognitivo, através de leituras de textos de qualidade e outras formas mais convencionais de aprendizagem.
Muitos são os autores de minha preferência, como variada também é a sua temática.Talvez minha maior opção seja por autores da lingua portuguesa, pela afinidade que guardo com seu patrimônio cultural.
Cecília Meireles, Fernando Pessoa, Castro Alves, Augusto dos Anjos, e muitos poetas contemporâneos , como o próprio Carlos Drumond de Andrade , são motivos de grande enlevo para mim, quando tenho a oportunidade de relê-los.
Os autores de minha geração, também me trazem grande satisfação pela beleza e qualidade de seus trabalhos. A lingua portuguesa tem inspirado prodigamente os seus poetas.

A&L: Literatura e Internet combinam?

Florzinha: “É muito gratificante para qualquer autor a interatividade com o seu leitor, e neste particular, mais do que qualquer outra mídia , é exponencial e estimulante.
Embora sinta a inevitável necessidade de editar os seus textos através de livros impressos, sou profundamente grata aos milhares e milhares de leitores que já visitaram minhas páginas, leram meus textos e avaliaram o meu trabalho.
Essa interação autor-leitor é muito estimulante e motivadora para quem escreve, sendo fato gerador de novas produções e da disposição de continuar alimentando um diálogo permanente com o leitor.

A&L: Fale de seus projetos ligados a web.

Florzinha: “Atualmente tenho publicado na WEB, cerca de quase 2.200 textos entre poesias, poetrix, haikais, trovas,cordel,etc, abordando uma temática bastante ampla que vai da espiritualidade ao erotismo, passando por temas de amizade, bucólicos, sociais, etc.
A disposição no curto e médio prazo, é a manutenção dos vínculos com os sites onde sou colaboradora ou tenho páginas, tais como o Recanto das Letras e no longo prazo,  trabalhar pela publicação do meu primeiro livro, pela ampliação da difusão de seu trabalho na WEB , através de e-books, sonorização e musicalização de alguns de meus textos e a obtenção de novos espaços qualificados e de grande apelo público.

A&L: Onde “Florzinha” pode ser lida na net?

Florzinha: “Atualmente escrevo para os seguintes sites:

- RECANTO DAS LETRAS :http://www.recantodasletras.com.br,

- PARA LER E PENSAR : http://www.paralerepensar.com.br,

- PLANETA LITERATURA :www.planetaliteratura.com,

- POETAS DEL MUNDO : www.poetasdelmundo.com,

- CÂMARA BRASILEIRA DE JOVENS ESCRITORES (CBJE ): www.camarabrasileira.com

- Autores & Leitores,

e - MUNDO POETA : http://www.ferool.info./flor.htm , entre outros.

O processo de seleção e escolha de cada site citado, foi um processo de mão-dupla, onde a autora escolhe e é escolhida, pois trata-se de uma parceria que vem dando certo e que tende a continuar e se solidificar no futuro, até porque vem contando com o apoio e aprovação de grande e seleto público leitor, que muito estimula os autores com seu "feedback".”

A&L: E o processo para se escrever, como se dá com você, Socorrinha Castro?

Florzinha: “Escrever poesia tem sido um processo natural e cotidiano para mim, que profissionalmente e socialmente, exerço outras atividades como faz a média dos brasileiros que luta por sua sobrevivência.
No médio prazo contudo, eu pretendo disponibilizar mais tempo para participar de eventos literários, como feiras, exposições, noites de autógrafos, etc, além de buscar a convivência com alguns grupos e clubes de poetas, para o intercâmbio necessário e meu enriquecimento pessoal.
É claro que jamais se pode abrir mão da educação continuada, da vontade de aprender sempre, e, neste particular bons cursos ou oficinas serão sempre muito bem-vindos
.”

A&L: E a participação em concursos, você acha válida a idéia?

Florzinha: “Toda fronteira nova, é importante e deve ser procurada sempre, pois o anseio de crescimento é uma constante no ser humano.
Por parte do mercado editorial, impresso ou eletrônico, deveria existir uma disposição constante de apoiar e estimular a realização de tais eventos, como forma de despertar vocações e revelar novos talentos.
A minha disposição pessoal é prestigiar sempre esses apelos dirigidos aos novos autores, tão carentes de espaços editoriais e de mídias para chegar até seus públicos.

A&L: Como você tomou conhecimento do portal  Autores & Leitores ?

Florzinha: “Aproveito essa valiosa oportunidade, para registrar meu agradecimento público a você, ilustre poeta e escritor Alexandre Rego, pela indicação e apresentação do portal Autores & Leitores , que representará para esta autora uma importante fronteira a  ser conquistada e um valioso espaço de convivência  e divulgação de sua proposta poética. ”

A&L: O que você pode sugerir para os que estão se iniciando na literatura?

Florzinha: “Para todos que se sentem atraídos pela poesia  não resta outra alternativa, senão poetar e deixar que fluam livremente suas verves, suas rimas, suas inspirações.
O poeta será sempre um tradutor da psiquê humana e da vida cotidiana, e deve evitar de todas as formas possíveis, a castração de sua vocação poética pela crítica prematura, pelo perfeccionismo, etc.
Deixe para um segundo momento a preocupação com a crítica.
Produza.
Deixe nascer seus textos.
Leia muito.
Seja autêntico e traduza fielmente suas emoções, sua visão de mundo.
Claro que a preocupação com a técnica e os rigores científicos tem seu espaço próprio e deve ser buscado na época certa, mas é preciso entender que  é preciso falar para aprender a falar.
É preciso poetar para aprender a poesia.

A&L: Quais são suas expectativas em relação ao novo espaço literário  Autores & Leitores ?

Florzinha: “A minha expectativa maior é que esse novo espaço materialize de fato o máximo intercâmbio possível entre autores e leitores, na medida em que não existe autor se não existe público.
É o feedback com o leitor que viabiliza a proposta e o trabalho de qualquer autor, seja poeta ou não.
Dessa forma, existe uma forte expectativa que esse novo espaço poético, será um grande fator de crescimento mútuo de poetas e leitores.





ENVIE esta página para um(a) amigo(a).







Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2007
  • Todos os direitos reservados.