Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio BAC

Área dos AUTORES

Páginas pessoais

Oportunidades
Entrevistas

Serviços

Anúncios

Experiências

Downloads

Orientações
Autores & Leitores  >  Autores >  Entrevistas

Entrevista com MARIA VIRGÍNIA BOSCO

Foto de MARIA VIRGÍNIA BOSCO

“O mundo precisa do belo”

Maria Virgínia Bosco tem razão, todos precisam do belo.
Pensando desta forma e como este espaço, acima de tudo, tem como meta primeira abrir e divulgar novos autores, temos a seguir a entrevista desta escritora que em pouco tempo será uma campeã de leituras, ninguém duvida.
Simpática e dona de uma opinião firme e forte, seus textos refletem a personalidade desta “quase” italiana que escreve sempre com o coração pulsante.
Em entrevista a Alexandre (Xande) Rego de  Autores & Leitores, Virgínia fala sobre o universo que une pessoas ao “belo” que ela escreve como ninguém.

Autores & Leitores: Maria Virgínia Bosco, quem é você?

Maria Virgínia Bosco: “Sou Maria Virginia Bosco, tenho descendência fortemente italiana, nasci em São Paulo / Capital, nos idos de 1960 (nossa!), aonde estudei até o ingresso na faculdade. Fiz curso superior na cidade de Santos, e desde a tenra idade, comecei a me interessar pelas artes no geral.
Cursei o Conservatório Musical ANDRÉ DA SILVA GOMES, onde me diplomei em violão clássico após sete anos de estudo. Dei vários recitais em violão solo, inclusive no Museu de Arte de São Paulo (MASP), quando ainda estudante de música. leio desde os quatro anos, sob forte incentivo do meu pai que adorava as letras, e escrevo desde os quatorze anos.
Sou eclética nos gostos literários, mas o poeta Fernando Pessoa talvez seja a minha maior fascinação. Dentre os nossos, sou fã incondicional de MACHADO DE ASSIS.

A&L: Como você vê  a interação “literatura versus net”?

Maria Virgínia Bosco: “É muito gratificante este intercâmbio  literário pela internet. O retorno é rápido, e na verdade já virou quase um vício escrever e publicar. Confesso que ainda não entendo muito bem que tipo de proteção aos direitos autorais a web nos  oferece, posto que às vezes isto me preocupa um pouco. Afinal, escritos são como filhos! Têm a nossa genética...

A&L: E seus projetos futuros nestes campos?

Maria Virgínia Bosco: “Olha, para ser bem sincera, ainda não pensei muito nisto. Fui apresentada a alguns sites via um amigo, que também escreve, e por ser ainda novata neste tipo de modalidade de divulgação, ainda não tracei muitos planos. Mas algo é certo: Pretendo daqui pra frente me dedicar muito à escrita. Cheguei num ponto que não conseguirei mais parar!

A&L: Onde seus textos estão alojados, claro, além de  Autores & Leitores?

Maria Virgínia Bosco: “Em poucos locais. Tenho trabalhos publicados no site SONETOS -  www.sonetos.com  e no RECANTO DAS LETRAS -  www.recantodasletras.com.br  e agora também no  Autores & Leitores!

A&L: Em relação às artes, do que mais você participa?

Maria Virgínia Bosco: “Participo de Saraus literários pela SOBRAMES / SÃO PAULO, onde já estou afiliada desde 1999. Por esta sociedade já participei de várias  jornadas literárias e tenho vários trabalhos em livros de antologia literária sob o título "A PIZZA LITERÁRIA” e em “ANTOLOGIAS” via SOBRAMES. Esta sociedade é de âmbito Nacional,  e também integra a  LISAME, com a contribuição de escritores sul-americanos cuja maior representação é dada por Buenos Aires.

A&L: Você considera válido a realização de concursos literários?

Maria Virgínia Bosco: “Acho muito válido sim. Precisamos de quem nos ouça, de quem nos leia, de quem enxergue o potencial valor de novos escritores, de novos artistas. Vejo o mercado da arte no Brasil muito difícil, hoje, acho que se escreve muito, nem tudo tem qualidade, e o que se consagra nem sempre é o melhor. Existe muita ilusão e muito pouca efetivação dos que lutam por um espaço. Por isto acho muito válido que se estimule a aparição dos novos escritos, e que se valorize e estimule o talento.

A&L: Como você conheceu o  Autores & Leitores ?

Maria Virgínia Bosco: “Alexandre (Xande), tomei contato por você. Recentemente, você me notificou que gostava do meu trabalho, do que escrevo e publico no Recanto das Letras e aceitei a proposta de estar aqui também. Achei o lay out do site muito interessante e acho que, em muito, contribuirá para a divulgação dos novos escritores.

A&L: Qual o recado que você manda para quem está começando no mundo literário?

Maria Virgínia Bosco: “Escrevam! Acreditem! Sejam arrebanhadores das emoções. Sejam perseverantes. Abram-se para o universo da literatura! Algum dia alguém nos olha e nos enxerga. A escrita é poderosa! É voz, é arte, é satisfação. Ela debate, critica, questiona , envolve e desenvolve... Os corações e as mentes e transforma os nossos cenários interiores e exteriores. Quem desenha as letras, delimita seu espaço no mundo e abre caminhos inimagináveis...

A&L: E sua expectativa em relação ao  Autores & Leitores ?

Maria Virgínia Bosco: “Minha expectativa é da inter-relação cada vez maior entre escritores e leitores. Que possamos cada vez mais divulgar a boa literatura. Como costumo dizer...o mundo precisa do belo.





ENVIE esta página para um(a) amigo(a).







Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2007
  • Todos os direitos reservados.