Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio Autores & Leitores

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


ANJOS EXISTEM: VISÍVEIS ÀS VEZES!



					    
Quem ainda acha que... “ELEZINHOS” não existem? ELE é duplo – ora ‘marido à moda antiga que dá flores’ (orquídea lilás só na telinha do notebook...) ora aquele cara que não fala, não se abre, mal olha para ELA, resmungão e irritadiço. A mulher se sentiu ofendida, magoada, chorosa... e o cara improvisou um discurso idiota em que misturou testosterona com serotonina, o que a deixou furiosa pois não definiu coisa alguma – se doença física, vaga crise emocional ou... (ELA simplificou) falta de uma boa chinelada no estufado da calça jeans. Cerca de ‘mil’ dias, na linguagem dela, isto é, de segunda a quinta-feira esteve assim porque na manhã de sexta ELE disse “talvez” (nunca sinônimo de “promessa’...) sobre um passeio no final da semana. À noite, chegou, porém, com tarefas extras da faculdade, trabalhos de muitas leituras e pesquisas. ELA que fizesse muito silêncio dentro de casa, andasse até descalça, e não o chamasse para refeição alguma... Televisão? “Assista na calçada.” Muito crescidinha para chorar por marido malcriado. Mas conversar com quem? Imaginosa, defeito ou qualidade do signo zodiacal – Gêmeos -, de repente”viu-se” mãe de um garotinho entre 2 e 3 anos, a cara do pai, o temperamento da mãe, entre diplomata e ‘guerreira-pacífica’ de guerra calma... apenas psicológica. Então, passou o sábado fazendo sinal para o menino e o menino para ELA – dedo indicador em posição sobre os lábios fechados. Sorriam um para o outro no mais absoluto silêncio, apontando com o mesmo dedo o ‘papai gritão’ e nervosinho. Deu banho no menino, perfumou com colônia amadeirada, cheiro de macho, ELE brincou com carrinhos e comeu a comida toda. Pediu sorvete. Dormiu numa colchonete com desenhos infantis. Isso tudo ELA pensando......... Se planejando ter um destes bonequinhos de verdade, carne e osso, teria que combinar com ELE, o manda-chuva e provedor. Deitou no chão meio frio e adormeceu perto do filho. Marido teve fome, improvisou um sanduíche bem grande e bananas. Abriu uma caixa de leite gelado e voltou para o computador. Mais algumas horas de estudo. Escureceu lá fora, terminando o sábado. ELE se espreguiçou, pegou uma chuveirada bem quente, animou-se um pouco. A mulher logo acordou e a pergunta dele foi espantosa: “Quem é esse menino que passou o dia inteiro aqui em casa?” ELA se arrepiou toda: “Filho da vizinha da casa 3. A mãe já veio buscar!” Dizer o quê além disto? F I M
Copyright ATHINGANOI © 2014
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 187 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

O sobrenatural existem, que um ateu ou um agnóstico acredite ou não. Desde que benéfico, todo espírito me é agradável. Há anjos protetores que resmungam, mas só de pensar neles sentimos luz. Parabéns!

Postado por lucia maria em 14-12-2014

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.