Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio ebook Vigilante

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


A FILOSOFIA DO NU: TEORIA ZEN



					    
A medicina antroposófica explica de si própria - ciência espiritual que objetiva o conhecimento ou sabedoria (do grego ‘sofia’) sobre o ser humano, o homem (outra vez grego, ‘antropos’). Ora, haveria portanto a conexão entre homem e natureza, presente em todos os fenômenos, a nível interno e externo, sem a menor separação entre um e outro, o homem integrado ao Universo. Chegar perto da sabedoria é conhecer a verdade, até de si próprio. Bom, se ELA entendeu, não faço a menor ideia, mas está sendo muito divertido. Na verdade, a conexão perfeita seria entre ELE e ELA, sócios literários. Medicina... Mas ELA quer se curar de quê se não tem doença alguma? AR - ELA, signo de Ar, Gêmeos. Comunicativa, diplomata, intelectual, versátil, adaptabilíssima, tranquila, confiável. Defeitos graves - sabe ser amiga e acredita nas pessoas. ELA sempre combateu nele o hábito de dormir inteiramente nu. ELA dizia – “como um bicho: gato ou cão vagabundo... sempre disposto a...” Levou um fora dele (diversidades ideológicas) e mudou a filosofia de vida. Passou a andar nua em casa o dia inteiro, pegando ar no corpo todo, boa desculpa. Mora sozinha, numa casa longe da rua, embora a porta da sala seja de vidro. Gramado imenso ao redor, muros altos, vizinhos não bisbilhoteiros, ainda bem. Ganhara certa vez um robe masculino, cetim azul marinho com bolinhas brancas, parente se desfazendo de roupas sem uso, guardou na ideia de dar a outra pessoa, engavetou e até esqueceu. Mas viu uma foto dele, em traje mais ou menos parecido, cor pouco mais clara, tentativa de conectar-se, mesmo que ELE não saiba ou não veja; assim, na nudez, o robe fica sempre ao alcance da mão, estado de alerta, caso de repente surja alguém. Entretanto, o nu prevalece. ÁGUA - Se conhece alguém aqui, “esqueceu”... Banhos agora em ritual de purificação, molha-se com ervas religiosas, antes incensando com sândalo o banheiro todo. Levara um fora dele (diversidades ideológicas) e mudou a filosofia de vida. Houve de repente um problema na caixa d’água, rachadura no teto, a água caía em linhas retas, intervalos entre as carreiras de tijolos, cachoeiras quase atingindo a estante de livros, protegeu primeiramente certos livros oferecidos a ELE, que não dava nunca endereço para o envio, teria sido uma grande conexão cultural, molhou-se toda, de propósito, da cabeça aos pés, mesmo detestando água fria (AMBOS só admitem chuveiro bem quente), depois ELA atrapalhada se vestindo às pressas, ao telefone pedindo socorro a um primo na casa da frente. De repente, do nada, como luz divina, uma pomba surgiu, sobrevoou o local da catástrofe, pousou nestes exatos livretos, numa cadeira, e em segundos foi embora. Após todo o conserto, os pedreiros saíram, desnudou-se de imediato. Portanto, o nu prevalece. FOGO - ELE, signo de Fogo, Áries. Dinâmico, radical, possessivo, mandão, ciumentíssimo, irascível, desconfiado. Defeitos graves - gosta de ser sozinho e não acredita em ninguém. ELA vive agora queimando papéis e mais papéis a pretexto de diminuir guardados antigos. E os e-mails do recente ano passado? Não: papéis de computador, sagrados sem ritual, mas intocáveis como milenares rolos bíblicos, iguaizinhos. Levara um fora dele (diversidades ideológicas) e mudou a filosofia de vida. ELA não entende lhufas de metalurgia, mas ligou a tevê por acaso (ou sorte?) num programa sobre tecnologia, apareceu o fogo primitivo, isto é, a descoberta do fogo quando o homem pré-histórico esfregou um pauzinho no outro ou uma pedra na outra e... fiat lux (sempre lembrando que ELE ama citações latinas). Depois, em metalúrgica paulista, não identificada comercialmente, o que pareceu uma grandíssima caldeira, lembrando a ELA talvez o inferno. Ultimamente, só o chamava de anjinho, algo contraditório nestas imagens. Mas não iria cauterizar-se, purificar o corpo pelo fogo, conexão afastada, simbolicamente queimou uma camisola preta, de cetim e rendas, bonita, mas bem velhinha, quase mesmo a nível de trapo com mais uns poucos dias de uso. Em seguida, desnudou-se até de pensamentos sensuais. Portanto, o nu prevalece. TERRA - Se conhece alguém aqui, “esqueceu”... Tinha horror a minhoca; assim, ELA encarregava sempre outra pessoa de cuidar do jardim, da horta e das plantas decorativas em casa. Levara um fora dele (diversidades ideológicas) e mudou a filosofia de vida. ELA retirou pessoalmente a terra dos vasos antes arrumados na mureta da varanda, sem qualquer medo. Eliminou folhas amarelas, diminuiu raízes excedentes, colocou terra nova, incluiu fertilizantes. Plantou sementes de flores nos vasos menores, não sabe a flor predileta dele (há orquídeas nos troncos dos coqueiros), e, nos canteiros, em tentativa de conexão mental, também de lichia , frutinha vermelha um tanto exótica, que em certa época ELE trouxera de outra cidade e prometera lhe dar. Às vezes, nenhuma refeição de sal, somente produtos das inúmeras árvores que moradores antigos plantaram naquela terra fértil do pequeno sítio. Ou verduras e legumes que ELA mesma plantou, imaginando uma refeição colorida para AMBOS, como ELE gosta. Em seguida, jogar no tanque toda a roupa suja de terra e ficar sem nada sobre o corpo, nada, nada... Portanto, o nu prevalece. Teoria de Adão e Eva – conexão perfeita com a natureza acabou quando “vestiram” a tal folha de parreira. ELA dorme mais horas pela manhã porque já não há e-mail pouco depois da madrugada, antes do amanhecer às seis, no horário de verão; pode agora levantar às oito ou nove ou meio-dia, é indiferente: ELE não escreve mais. Em sonho algum, em horário algum ELE aparece. Morfeu o deletou, possivelmente. Somente acordada “sonha” com ELE e cria maravilhosos diálogos de paz. Com a natureza dele, conexões dela falharam todas, uma a uma, embora continue totalmente nuazinha. F I M
Copyright ATHINGANOI © 2015
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 237 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Texto lindíssimo! Mudez é a ausência de tudo. por certo você levou horas raciocinando e racionalizando (tem diferença?) sobre os 4 elementos. Parabéns!

Postado por lucia maria em 18-01-2015

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.