Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio ebook Vigilante

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


CONTOS DE FADAS (às avessas) & MITOS-PARTE II



					    
Linguistas estudiosos apresentam agora a versão de que a origem de contos populares remonta a milhares de anos. Pode ser... Não sou ‘ninguém’ para contestar. Exagero 6 mil anos passados, Idade do Bronze? Bom, há gravuras expressivas em muitas cavernas remotas. Muito antes das versões escritas, era a tradição oral, versões transmitidas de geração em geração, “boca & ouvido”, onde estórias bem semelhantes eram contadas por povos distantes, física e culturalmente. Seria o inconsciente coletivo, como ensinou CARL JUNG? Possivelmente. Similar é a condição humana, mudam apenas os “sabores locais”. Haveria um ancestral comum, portanto, a evolução vindo com o tempo, na formação das culturas e das línguas indo-europeias – proximidades geográficas e grau de relacionamento das linguagens. Havia crenças primitivas (ainda há!) em que se atribuía o bem a anjos e o mal ao diabo, acordos ou desacordos do ser humano com as entidades míticas poderosas (mais tarde, GOETHE criou o “Fausto”). Isso explica a longevidade das estórias – dilema atemporal da luta entre o bem e o mal, o certo e o errado, o moral e o imoral, o humano e o animal... Não especificamente literatura infantil (essa idéia errônea surgiu depois, nos livros impressos), mas fontes de informação e educação do comportamento humano. Mais difundida a linha dos contos de magia, onde objetos poderosos ajudavam as pessoas. Num toque de sino, uma deusa loura na minha vida! FONTE: “Fadas da pré-história: a bela e a fera da Idade do Bronze” – Jornal O GLOBO, Rio, 23/1/16. F I M
Copyright ATHINGANOI © 2016
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 99 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Ih, "Conto" (singular) e não "Contos" para ser Parte II certinha. Seja lá como for, excelente pesquisa. parabéns!

Postado por lucia maria em 05-03-2016

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.