Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio Autores & Leitores

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


CALENDÁRIO MOTO-CONTÍNUO



					    
Uma parenta remexendo um baú de memórias e apareceu um caderno escolar (um só?) em cuja capa já vinha escrito desde a gráfica: “De março a dezembro”. Era o período escolar da época, iniciado a 1 do terceiro mês do ano... Nove anos de escola pública, sempre aprovada, novidade nenhuma em mês algum... Sonhava como toda menina... Em ano algum, melhor dizendo. Desiludiu-se muitas vezes. Aprendeu que felicidade e paz só acontecem quando não mais as esperamos com ansiedade. Mas idade surge, as emoções serenam, somente aí tudo dá certo. “A esperança á a última que morre.” “O mar é verde de tanta esperança afogada.” E ELA contou que tudo sempre se repetia. Das ansiedades e esperanças em janeiro (projetar sonhos e recarregar energias...0 até o não mais ilusório e definitivo suspiro profundo em dezembro - ver o que não foi realizado em procrastinação eterna /característica nacional/, o depois, depois, depois... Ah, as auto promessas e os relatórios mentais que se renovam indefinidamente. Até quando, mein Goten? No calendário da parede, em letras vermelhas, “Confraternização universal”. Será? O ano novo no dia 1 de janeiro foi decreto do imperador romano JÚLIO CÉSAR em 46 a. C. e o nome vem de Jano, o deus bifronte dos portões - uma voltada para a frente, visualizando o futuro, o ainda por “vir”... e outra voltada para trás, visualizando o passado, o “já era”... ilusórias melhorias ou mudanças, Sim, porque este é o dia de renovar esperanças e simbolicamente esquentar os tambores pois a lua continua. Não desanimar nunquinha! --------------------------------------------------------------- HQ - BICHINHOS DE JARDIM, de Clara Gomes - JANEIRO - Caracol: “Adoro fim de ano! É época de faxina geral! Reciclar sentimentos, descartar emoções antigas, lavar o coração...” Joaninha: “No caso, a diarista não faz esse serviço, né?” Caracol: “Não! Feliz Natal!” --- Caracol: “Fim de ano está aí, Tuta! Vai escrever carta pro Papai Noel?” Bichinho enchupetado: “Isso não existe mais, tio! Agora é só marcar ele nos post de Facebook!” --- Joaninha, filosofando sozinha. “O ano está novamente acabando... Apanhamos muito? Sim. Fomos pisoteados? Sim. Mas o importante é pensar o que vãos fazer a partir disso! Alguma idéia?” --- Caracol: “Após um ciclo de trabalho completo, é tempo de...” Joaninha: “Fim de semana? Férias? Décimo terceiro?” Tempo de recomeçar, bichinho no campo. Ele: “Um novo serviço nos espera!” Ela: “Não acredito que caí nessa!” --- Caracol: “Agora o ano começou de vez! Estou super animado” Cheio de planos cheio de vida... E você, Joana?” Ela: “Digamos que eu esteja apenas cheia!” Ele: “Já é um começo!” /// DEZEMBRO - Repartição Piolho. Bichinho verde, mal encarado, com dois chifres: “Servir é sofrer! Dezembro é um lindo mês: tem correria, gastos desnecessários e estresses... e deliciosas tortinhas de limão na festa da família!” --- Dicas de fim de ano. Três bichinhos com capuz vermelho natalino. Entre eles: “Sinto no ar a mudança... um novo ciclo começa... este ano eu tomo jeito e não faço mais promessa!” “Depois de tanta comida... é o tempo da união... todos juntos, lado a lado somos um só barrigão!” --- Caracol: “Joana, no ano novo podemos ser melhores!” Joaninha: “Já sou ótima!” Caracol: “Podemos nos amar, repartir o que temos ser tolerantes...” Joaninha: “Dá pra fazer na modalidade à distância?” FIM
Copyright ATHINGANOI © 2017
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 17 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

O ser humano é humano antes de ser classificado pela pele, sexo, religião, condições sociais - nascemos ansiosos e esperançosos. Felicidade? Nas pequenas coisas do dia a dia... Parabéns!

Postado por lucia maria em 02-09-2017

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.