Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio KD Inovações Tecnológicas

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


CHOCOLATE & PÁSCOA-PARTE II



					    
O ‘xocolatl’ (água amarga)  era sagrado por três civilizações americanas pré- Colombo - maias, incas e astecas, valoroso tal qual o ouro.  Funcionou como valor monetário.  Os grãos eram preciosos, embora algumas vezes com valor não muito alto - 80-100 grãos compravam um pequeno manto ou uma canoa repleta de água potável, necessária para os habitantes da parte salgada dos lagos.  Ítem raro, de luxo, já na época produto de exportação, embora falsificado com alguma freqüência, as cascas vazias preenchidas com terra ou lama.  Havia inclusive o cacau sob forma sólida, não apenas uma bebida reservada para guerreiros e nobres.   Na Europa chegou logo ao início do século XVI, tornando-se rapidamente popular a mistura de sementes de cacau torradas e trituradas com água quente ou morna, mel, baunilha e outras especiarias, consumido em grande parte de sua história local apenas como uma bebida agradável.  Em meados deste mesmo  século, ‘boatos’ de que era um afrodisíaco, dando poder e energia, daí reservado a governantes e soldados.  Ao mesmo tempo, o consideraram pecado e remédio, isto é, profano e sagrado.  Com o século XX, popularizou-se em bombons e ovos de Páscoa, estabelecendo o consumo no mundo inteiro, tradicionalmente um presente recheado de significados......... A história do cacau tem sua origem envolta por mitologia e lendas: 1-O deus asteca Quetzalcóatl, senhor da lua prateada e dos ventos gelados, tal como o grego Prometeu, também ofertou aos homens um presente roubado dos deuses, querendo dar aos mortais algo que os enchesse de energia e prazer, e foi aos campos do Reino dos Filhos do Sol para furtar as sementes da Árvore Sagrada.  Desta forma fantástica, as sementes do cacaueiro surgido na região asteca e aí frutficando. 2-Há mais de mil anos atrás, existia uma deusa que tinha nos cabelos os frutos do cacaueiro.  O deus do vento, através de um furacão, espalhou os frutos e surgiram as várias árvores do cacau. F  I  M
Copyright ATHINGANOI © 2018
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 12 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Chocolate é prazer, vício e consolo, se o marido prefere livros à mulher nas livres tardes de inverno paulista. Parabéns!

Postado por lucia maria em 04-01-2018

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.